Natal é, como fez Maria, ter Cristo no centro de nossas vidas !


 “Não temas Maria, pois encontraste Graça diante do Senhor”.  (Lc.1,30)

Foram estas as palavras ditas pelo Anjo Gabriel, após saudação dirigida àquela Virgem que, conhecendo o verdadeiro desígnio de Deus para o Povo Escolhido, colocou-se aos seus pés e, vestindo a seda de sua humildade, aceitou ali ser a Mãe daquele que herdaria o trono de seu Pai Davi e reinaria para sempre na Casa de Jacó, sobre um legado que não terá, sob hipótese qualquer, fim algum dia. (Lc.1, 32-33).

E que graça recebia Maria naquele instante: Ter em sua vida o Cristo Jesus.

E nós, equipistas, também podemos dizer que, como Maria, hoje, encontramos  a “(...) Graça diante do Senhor”. Sim, como Maria, recebemos a graça de ter em nossas Equipes muitos JESUS(ES). Sim, acolhemos Jesus(es), pois, como disse o próprio Mestre aos escolhidos quando a Ele indagaram quando foi que O viram estrangeiro e O acolheram, isso acontece  “todas as vezes que fizestes isto a um destes meus irmãos (...), foi a mim mesmo que o fizestes”.  

E é pelo que disse Jesus (em Mateus  25,35-40), que sentimos, ao acolhermos nossos irmãos, a graça de também acolhermos Jesus em nossas vidas, equiparando-se, mais que nunca, à patronesse do Nosso Movimento. E, por causa disto, vocês são motivo de muita alegria em nosso meio.

E, nesta alegria, esperamos que vocês, também como Maria, a cada dia, possam gerar no seio de suas palavras e no ventre de suas ações este Verdadeiro Jesus, assumindo o compromisso de colocar, doravante, por todos os tempos em que continuarem a se debruçar sobre os passos de seus pés, Cristo no centro de sua vida, vivendo, com isto, um verdadeiro CRISTOCENTRISMO.

Que vocês possam, como Maria, aprender a serem portadores do Poder  Daquele que já se manifestava em seu ventre, sendo o mais singular e perfeito Sacrário Vivo daquele que realizara Nela maravilhas e cujo nome é Santo (Lc.1, 49). 

Só assim vocês poderão assimilar o porquê o nosso Movimento, mesmo sendo cristocêntrico, fora batizado como EQUIPES DE NOSSA SENHORA (ENS)

Muito mais que uma simples homenagem ou devoção existiu. Sim, Equipes de Nossa Senhora. Porque, ninguém melhor há que a nossa Mãe Celeste, para dar testemunho do que é ter Cristo no centro de sua Vida. 

Ter, assim, Cristo no centro de sua vida é, por exemplo, ir ao encontro do próximo quando este mais precisa. E foi isto que Maria fez: subiu apressadamente às Montanhas para encontrar sua Prima que, mesmo idosa, recebera a visita da maternidade e, por causa disto, muito precisava de um auxílio caridoso. (Lc.1, 39-40,56a)

Ter Cristo no centro de sua vida é, como mais uma fonte de ilustração, guardar tudo em seu coração (Lc.2, 51b) e acreditar que, mesmo diante de uma lança transpassando a sua alma (Lc.2,35b), algo melhor está por vir, possuindo fé na promessa feita de que a Misericórdia do Poderoso se estende de geração em geração, sob os que o temem. (Lc. 1,50)

Ter, dessa forma, Cristo no centro de sua vida é também acreditar que Ele pode transformar o que é insípido em algo com gosto, o que é inodoro em algo com perfume inebriante, é conceber o milagre de transformar água em vinho nas nossas vidas. (Jo.2, 1-12)

Com isto, outra conclusão não se pode ter senão pensar que ter Cristo no centro da vida é pensar como Maria pensou. É agir como Maria agiu.

Destarte, que vocês possam entender que erro algum é afirmar que MARIA é a ESSÊNCIA DO CRISTOCENTRISMO e outra denominação melhor que EQUIPES DE NOSSA SENHORA (ENS) não há, para bem definir um movimento que busca ter CRISTO como centro de nossas vidas, em um amor conjugal.

E, por causa disto tudo, dizemos a vocês, AVE, CHEIA DE GRAÇA, O SENHOR É COM VOCÊS !!!

FELIZ NATAL E PRÓSPERO ANO NOVO !


ANA KARINA & ANDRÉ 
(CRE - Equipe de Nossa Senhora do Sagrado Coração de Maria - ENS 42)



Compartilhe no Google Plus

About Marcio Bourbon

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários:

Postar um comentário